Crítica | A Cinco Passos de Você tem boa química, romance e lágrimas

No estilo A Culpa é das Estrelas, o cinema ganha mais um filme de romance teen recheado de emoção. Com elenco convincente e trama bonita, A Cinco Passos de Você pode ser um longa surpreendente a ponto de ser aquele filme pra se ver mais de uma vez.

Com imagens de telas de vídeo amador, inicialmente, observamos a rotina de Stella (Haley Lu) rodeada de amigos e sempre com um sorriso no rosto, apesar de ter uma doença incurável chamada fibrose cística. A protagonista é uma jovem de quase 17 anos que gosta de internet, é super organizada e luta por sua saúde com o objetivo de conseguir um transplante de pulmão. Tudo muda quando ela se apaixona por Will Newman (Cole Sprouse), um garoto que também tem fibrose cística. Obrigados a manter a distância de cinco passos um do outro por questões da doença, o casal precisa conviver com a situação de não poderem se tocar.

A Cinco Passos de Você Stella e will cena da neve

Em filmes de romance a dificuldade de gostarmos dos dois protagonista é grande, mas aqui é diferente. Tanto Stella quanto Will são jovens cativantes para o espectador. A química entre os atores trás confiança para as situações vividas dentro do hospital e o romance não começa com aquele amor à primeira vista ao qual é mostrado em outras produções do gênero.

A atuação de Cole Sprouse, que atualmente interpreta Jughead em Riverdale, supera as expectativas. Com certeza os fãs do ator farão do filme, uma ótima bilheteria. Haley também não fica para trás! A sutileza nas falas e no semblante da atriz, causa impacto nos momentos dramáticos.

Não é de hoje que doenças devastadoras entram no tema de filmes românticos e acaba virando um obstáculo entre os apaixonados. A Cinco Passos de Você entrega mais uma dessas histórias que não é mais novidade. A grande diferença é que o desenvolvimento da ideia é bem realizada.

A Cinco Passos de Você cena com Stella

O diretor, Justin Baldoni (o Rafael de Jane de Virgen) trouxe a adaptação do livro de Mikki Daughtry, Rachael Lippincott e Tobias Iaconis para sensibilizar quem assiste. A harmonia entre o elenco e diretor é clara no desenvolver do longa. Os minutos finais, sem dúvida apelam para que o espectador se comova com a história de Stella e Will.

Com a trilha sonora idealizada intencionalmente para ajudar na condução do drama, A Cinco Passos de Você estabelece uma boa conexão com o público jovem ao selecionar músicas do gênero popular. O que é interessante é que não apenas a linguagem visual como a sonoplastia integram um âmbito envolvente na narrativa.

Sem muita novidade nas modalidades técnicas do filme, A Cinco Passos de Você traz a fórmula de uma mensagem final metalinguística e satisfatória. Ainda que a cena do clímax seja um tanto exagerada, a maioria das situações são convincentes e, no geral, foi realizada uma boa adaptação em relação à obra ao qual o filme foi inspirado.

Ainda que o tema não seja novo, a narrativa é linda e o projeto entre a distribuidora do filme no Brasil, Paris Filmes, e a instituição que apoia portadores de fibrose cística, propõem uma mensagem consolidada sobre a doença em conjunto com a narrativa dramática.

Confira o trailer de A Cinco Passos de Você: 

 

Avaliação do Cinéfilos Anônimos
Avaliação dos Visitantes do site
[Total: 8 Média: 4]

Mestre em Comunicação e Produtora Musical. Fissurada no mundo Geek e apaixonada por adaptações de livros para cinema. Amante da música, cultura pop e cinema. Gosta tanto de contos de fadas que resolveu pesquisar 2 anos a história de Cinderela.