CCXP 18 | Os números e as grandes atrações que fizeram do evento um enorme sucesso

Compartilhe

A primeira San Diego Comic Con foi realizada em 1970 como a versão mais ambiciosa de uma das primeiras convenções de fãs de quadrinhos. Durante pouco mais de 20 anos ela foi realizada me locais menores e totalmente dedicada aos quadrinhos comerciais das principais editoras norte-americanas. Era um local onde os autores podiam encontrar seus fãs. Porém foi somente após a década de 2000 que outras atividades da cultura pop começaram a integrar o rol de atrações da Comic Con. A partir daí ela se tornou o palco de grandes lançamentos do mundo do cinema, séries de TV e, claro, quadrinhos.

Obviamente um evento dessa magnitude atrai milhares e milhares de fãs ávidos por novidades, memorabílias e autógrafos de celebridades. Infelizmente, devido à distância e aos custos, era um sonho distante para muitos brasileiros que se incluíam nessa categoria de aficionados. Em 2013, quando foi anunciado um evento nacional similar à San Diego Comic Con, parecia mais uma promessa empolgada que não resistiria às dificuldades do país. Afinal, dezenas de eventos direcionados aos quadrinhos e à cultura pop nasceram e morreram nas últimas três décadas. Mas com a CCXP a realidade foi outra!!

Idealizada e organizada pelo Grupo Omelete, o evento tinha o duro desafio de reunir os fãs em torno de seus objetos de desejo. E em apenas 5 anos, pode-se dizer que a missão foi cumprida! A CCXP 2018 fechou 5 dias de eventos com números que impressionam. A começar pela quantidade de visitantes: mais de 262 mil! Mesmo o Artist´s Alley, coração da feira, reuniu 530 autores, roteiristas, desenhistas, ilustradores e quadrinistas em geral. Com estes dois números a CCXP já se configura a maior Comic Con do mundo!

Mas não basta ter quantidade, tem eu ter qualidade. E a CCXP 2018 também teve. Qualidade foi sinônimo dos painéis e estandes da Warner, Disney, Marvel, Fox, Sony, Universal, Paramount, Netflix, HBO, Cartoon Network e Amazon Prime. Além da presença dos grandes estúdios, o palco Creators trouxe 120 nomes entre celebridades da TV e criadores de conteúdo online para uma programação diversificada que ia desde aulas de gastronomia, talks show, apresentações musicais e outras atividades.

Onde a galera de visitantes mais surtou foi na passarela onde as celebridades posavam para fotos, estiveram presentes 42 delegações de Hollywood. Nomes de peso que brilharam este ano: Jake Gyllenhaal, Sandra Bullock, Zachary Levi, Tom Holland, Chris Columbus, M. Night Shyamalan, Andy Serkis, Brie Larson, Ellen Page, Michael B. Jordan, Maisie Willians, Sophie Turner, Jessica Chastain, David Benioff & D. B. Weiss, John Bradley, Sebastian Stan, Ellen Page e Tom Holland, Tessa Thompson, Sebastian Stan, Tom Welling, Caleb MacLaughlin,  Noah Schnapp, Ricky Whittle, Trevante Rhodes, Tom Hopper e Florian Munteanu, entre outros.

E além dessa constelação de atrizes, atores e diretores aconteceu também o lançamento de diversos Trailers, Teasers e Cenas Inéditas, como Vingadores: Ultimato, Homem Aranha: Longe de Casa, Glass, Brightburn, Alita: Ano de Combate, BirdBox, Fênix Negra, Como Treinar seu Dragão, Stranger Things, O Menino que Queria ser Rei, O Morto não Fala, Top Gun 2 Maverick e A Maldição da Chorona. E pra fechar alguns estúdios fizeram premières adiantadas como BirdBox, Creed, WiFi Ralph e Aquaman.

Foi Épico!

O mais importante ao vislumbrar esses números gigantescos e a qualidade dos Painéis, experiências e estandes é constatar que definitivamente a CCXP ganhou respeito internacional e entrou no calendário de grandes eventos dos estúdios e produtoras. O Cinéfilos Anônimos tem grande orgulhe em ter feito parte dessa celebração da cultura pop e dá os parabéns à organização e que venha muito mais nos próximos anos.

 

 

CONTEÚDO RELACIONADOS

Compartilhe

Tercio Strutzel ama histórias, seja no cinema, séries, livros ou quadrinhos! Foi editor do fanzine Paralelo, mas hoje quase não consegue desenhar. Se especializou em Presença Digital, mas tem diversos projetos fervilhando na mente. Está sempre em busca de atividades culturais por São Paulo.