Corra! (Get Out) | Crítica – Um suspense original+critica social = MUITO BLACK MIRROR MEW

Hollywood está vivíssima minha gente, e mostra aqui que não é só de besteirol que é feito um blockbuster.

O filme começa com um ato simples, mas que pra muita gente já seria um filme de terror: conhecer os pais da namorada. E esse ar sarcástico não está aqui à toa. O diretor Jordan Peele teve, até então, o currículo cinematográfico voltado para a comédia, e esse, (eu fiquei embasbacada quando soube) é seu primeiro longa-metragem.

O desenrolar da trama é uma mistura de “adivinha quem vem para o jantar” com um episódio perdido de Black Mirror. Não é só o enredo do filme que leva a gente a achar o tempo todo que está vendo um episódio da série, Daniel Kaluuya também está lá.

sssssssssssss
E QUE ATORZÃO MINHA GENTE!!!

O carisma do menino é tanto, que é impossível não assistir a esse filme sem ficar agoniado, sem embarcar na loucura do seu personagem Chirs. Se é que ele está louco… ele está louco? Ele tava sonhando? Ele viu o que acha que viu? Tá ficando confuso pra você? Pois bem, e é essa a intenção do filme. E tudo isso é conduzido sem deixar de apontar como o preconceito racial é praticado de forma camuflada na sociedade atual. O que Jordan Peele fez nesse roteiro é para plaudir de pé.

Eu poderia ficar o dia inteiro aqui elogiando a fotografia/edição/montagem desse filme, mas acho que as imagens falam melhor para esse caso:

ghdjklfdpopdlmkcldsmc
Da série: cenas que me deixaram com falta de ar.
Abençoado seja o audiovisual né mores??

Ps: O ato final???? O QUE DIZER DO ATO FINAL DESSE FILME
Tudo foi magistralmente conduzido pra te levar até aqueles 5 minutos finais. E ah.. ele é um tapa na cara

FAÇA UM FAVOR A VOCÊ: VÁ ASSISTIR A ESSE FILME!

 

 

Avaliação do Cinéfilos Anônimos
Avaliação dos Visitantes do site
[Total: 7 Média: 3.4]

Estudou produção audiovisual e fotografia. O pai era um tira e a mãe uma hippie. É obcecada por paletas de cores e assiste qualquer filme se tiver a Amy Adams no elenco. É um vyado com y e a maior fã de pagode anos 90 desse brasil.