Guia de Sobrevivência à Prisão (2018)

Crítica: Guia de Sobrevivência à Prisão traz a tona uma realidade ignorada por muitos

Compartilhe

Guia de Sobrevivência à Prisão é um documentário da NETFLIX necessário para todos que vivem nessa bolha de “bandido bom é bandido morto”. O documentário não só mostra como o sistema penitenciário dos Estados Unidos, país considerado muito mais avançado do que o nosso, é extremamente precário com os seus presidiários, como também a ineficiência da polícia em resolver os casos e simplesmente focar em achar um “culpado”,  seja forjando provas ou ignorando fatos importantíssimos para a liberdade daquela pessoa.

Para quem nunca viu um documentário relatando como são as instalações dos presos é de assustar. Para quem não conhece também histórias de pessoas inocentes que acabaram parando atrás das grades seja por azar ou por falta de dinheiro para pagar um advogado bom, ou ousado o suficiente para desafiar a polícia ou o tribunal, é um tapa na cara e, os casos são TANTOS que só faz essa ideia de que a pena de morte deve ser feita aqui, castração química ou qualquer outra parecer ideia de alguém completamente ignorante (o que é).

Guia de Sobrevivência à Prisão

Recomendo que todos que querem saber o mínimo de como é um pesadelo, assistam a essa desventura que acontece com tantos inocentes e, como a justiça não está nem perto de ser apta para condenar alguém a morte. Com um passo a passo desde o primeiro contato com a polícia, o interrogatório, o tribunal e as trocas de serviços e gangues dentro da cadeia, o documentário consegue ser bem completo e mostrar uma realidade cruel que nem todos ali merecem. A ideia do sistema em transformar aquele indivíduo em um criminoso, assassino, acaba se tornando realidade quando o assunto é sobreviver dentro de uma instituição sem leis, por mais irônico que isso pareça.

Casos assustadores de pessoas que não tiveram chance seja por sua cor, pela falta de interesse de policiais em encontrar outro culpado ou até mesmo por funcionários querendo seguir o caminho mais fácil em busca de um reconhecimento que nunca foi merecido.

Guia de Sobrevivência à Prisão é uma realidade bem escondida nos Estados Unidos e que deve se repetir não só no Brasil mas em outros países também, onde a ideia de que “bandido bom é bandido morto” não considera os injustiçados.

 

 

Avaliação do Cinéfilos Anônimos
Avaliação dos Visitantes do site
[Total: 1 Média: 4]

Compartilhe

Devoradora de séries, com mais de 100 na grade atualmente. Eterna fã de LOST e apaixonada por ficção científica. Diz a lenda que encara qualquer filme, desde que não tenha nenhum brinquedo assassino envolvido.