Crítica | YOU é fácil de maratonar e te faz pensar duas vezes sobre o que postar nas redes sociais

Crítica | YOU é fácil de maratonar e te faz pensar duas vezes sobre o que postar nas redes sociais

YOU estreou recentemente na televisão americana e para a nossa alegria já está com a sua primeira temporada completa disponível no catálogo da Netflix no Brasil. É claro que não poderíamos perder a chance pra falar um pouco dessa série que mostra a pior consequência possível de ter sua vida exposta na internet.

Bem, para quem não conhece YOU, a nova série traz o carismático Joe e seus pensamentos pra lá de obsessivos com Beck, uma jovem escritora que ele conhece por acaso na livraria que trabalha. Como qualquer pessoa que se sente atraída por outra, ele pensa do que ela gosta, o que ele poderia dizer a ela, como iniciar uma conversa, e tudo mais. Até aí tudo bem, mas a série segue por um caminho muito mais sombrio quando o protagonista inicia uma pesquisa pela internet e descobre MUITA coisa da vida da garota.

O lance genial dessa série é o fato de que a narração é feita justamente pelo personagem que deveríamos odiar, um problemão já que conseguimos “entender” o que o motiva a procurar saber tudo sobre Beck e muitas vezes nos deixamos convencer que uma coisa completamente insana e inaceitável tem alguma justificativa válida. É um jogo psicológico muito interessante que consegue com sucesso arrastar o telespectador para dentro de toda a confusão e relação conturbada entre os personagens.

Crítica | YOU é fácil de maratonar e te faz pensar duas vezes sobre o que postar nas redes sociais

Além de te deixar em conflito sobre o caráter de uma pessoa que mostra comportamentos completamente inapropriados, a série também consegue mexer constantemente com a sua opinião sobre outros personagens. É o famoso julgar pela capa e descobrir depois camada por camada qual a real intenção daquela pessoa – ou não. Com muito potencial para te deixar maluco da cabeça torcendo por um stalker doentio, YOU acertou em cheio na dose de loucura com uma ótima escolha de elenco e personagens interessantes.

Vale avisar que a série é extremamente fácil de se maratonar, visto que com o risco altíssimo que Joe corre todo episódio em ser descoberto ou exposto por terceiros, você quer chegar até o final o mais rápido possível. A série definitivamente tem história para contar para mais temporadas, tem inúmeros problemas psicológicos em seus personagens que podem ser explorados para te deixar sentado na poltrona.

Avaliação do Cinéfilos Anônimos
Avaliação dos Visitantes do site
[Total: 7 Média: 2.7]

Devoradora de séries, com mais de 100 na grade atualmente. Eterna fã de LOST e apaixonada por ficção científica. Diz a lenda que encara qualquer filme, desde que não tenha nenhum brinquedo assassino envolvido.