O Cine é DELAS! Mulheres incríveis falando de cinema que você precisa começar a seguir hoje

Compartilhe

O mês de Março é considerado o Mês da Mulher, o que deveria ser uma data a ser estendida ao longo do ano, com respeito e igualdade para que nossas pares tenham voz, porque conteúdo elas tem de sobra!

Neste mês de homenagem à luta feminina, separamos algumas críticas de cinema que botam pra quebrar com suas opiniões, mulheres com as quais o Cinéfilos Anônimos aprendeu e aprende muito todos os dias, seja nas abordagens levantadas pela Lully e a Tatá ou os questionamentos fundamentais da Joyce Pais e Luísa Pécora ou mesmo os argumentos completos de Fernanda Novaes e até na empolgação da Victória Xavier, musas do cinema que você precisa seguir e conhecer.

Luisa Clasen – Lully de Verdade

O que você vai encontrar no Lully de Verdade?

Um canal repleto de reflexões sobre o cinema e todo o mercado que o cerca, Lully debate temas interessantes sempre de modo educativo e instrutivo, uma aula de conteúdo em alto nível.

Conheça mais de Lully de Verdade

Leia Também: Chega de correr, gritar e cair: Verdadeiras protagonistas femininas do Terror

 


Tatá Snow da Freakpop

O que você vai encontrar na Freakpop?

Cinema, Séries e entretenimento em geral

Qual a importância da mulher no cinema?

Tatá: “A mulher no cinema hoje já manda na porra toda e as pessoas nem perceberam. Hehehe Demorou? Sim! Ainda precisamos ter mais espaço e reconhecimento? Sim! Mas já temos várias mães, filhas, guerreiras, espiãs, executivas, juízas, avós, assassinas, românticas e sofredoras para nos inspirar e ensinar. É bom demais!”

Dica de filme para o mês da Mulher

Erin Brockovitch com a musa Júlia Roberts.

Conheça mais da Freakpop

 


Joyce Pais – Cinemascope

Joyce Pais do Cinemascope

O que você vai encontrar no Cinemascope?

Cinema clássico, cinema brasileiro, cinema asiático, entrevistas, debates e vídeos ensaios com análises que fazem ponte com outras áreas como história, música, arte, literatura, feminismo, etc.

Qual a importância da mulher no cinema?
Joyce: “Total. Seja sua presença em frente, atrás das câmeras, na crítica especializada, como espectadora. Sempre acreditei que a diversidade de olhares e percepções só tem a engrandecer essa arte que amamos tanto, o cinema.
Vejo com bons olhos toda a movimentação que tem acontecido nos últimos anos com relação à isso e atuo, dentro do espaço que ocupo, na tentativa de contribuir com mudanças e processos relacionadas à mulher no cinema.”
Dica de filme para o mês da Mulher
 “Garotas” (2014), dirigido pela Céline Sciamma.
Conheça mais do Cinemascope

Luísa Pécora – Mulher no Cinema

O que você vai encontrar no Mulher no Cinema?

O Mulher no Cinema é um site exclusivamente dedicado a filmes e séries realizados e/ou protagonizados por mulheres. No ar desde 2015 e referência no assunto no Brasil, publica notícias, vídeos, entrevistas, críticas, estudos e dicas de filmes, produzindo uma cobertura cultural com foco nas mulheres em frente e por trás das câmeras. Sua missão é promover a igualdade de gênero dando voz às profissionais femininas do cinema e da televisão e estimulando o público a conhecer o trabalho delas.

A importância da mulher no Cinema

Luísa: “A mulher tem um papel fundamental no cinema desde o início de sua história, apesar da desigualdade de gênero ter sido e ainda ser realidade em diferentes cinematografias. O audiovisual reflete os obstáculos enfrentados por mulheres em qualquer ambiente de trabalho: menos oportunidades, salários menores, reprodução de estereótipos, ameaça de assédio. Portanto, melhorar a participação e representação feminina nas telas é colaborar com a mudança social.”

Dica de filme para o mês da Mulher

“Sem Rastros”, de Debra Granik, um dos melhores filmes do ano passado, que estreou direto no streaming no Brasil

Conheça mais da Mulher no Cinema

Instagram (https://instagram.com/mulhernocinema)

Apoia.se (https://apoia.se/mulhernocinema)

 


Fernanda Novaes – Moça, você é cinéfila?

O que você vai encontrar no Moça, Você é Cinéfila?

Vídeos em formatos variados onde são analisados filmes, movimentos e estilos cinematográficos de forma técnica e filosófica.

Qual a importância da mulher no cinema?

Fernanda: “Toda narrativa é um reflexo de nós mesmos. Quando escrevemos, tiramos uma foto ou produzimos qualquer tipo de conteúdo, estamos expondo uma pequena parte de nós. Nosso trabalho se torna um reflexo de quem somos, mesmo que seja por apenas alguns instantes. Nossa própria narrativa pessoal torna-se entrelaçada na narrativa que podemos produzir para uma história fictícia.

É fato que a produção cinematográfica tem sido um campo dominado pelos homens desde a sua criação. Durante anos, as histórias produzidas pelos principais estúdios de Hollywood foram escritas, produzidas e dirigidas por homens. Isso parece desigual, logo que a população feminina é tão vasta quanto à masculina. As causas dessa diferença são várias e vai desde fatores sociais quanto biológicos. Mas não estou aqui para discutir sobre as causas ou soluções, mas sim, a importância de assistirmos a produções feitas por mulheres, especialmente se você é um apaixonado pelo cinema.

Uma das maiores questões diz respeito ao olhar feminino. É claro que um diretor pode dar vida a um personagem feminino onde mulheres ao redor do mundo possam se identificar com tal personagem, mas dificilmente ele penetrará na camada mais profunda e conseguirá extrair toda a complexidade intelectual e emocional de sua personagem. Por isso muitos filmes dirigidos por homens distorcem ou acabam estereotipando personagens femininas, flutuando em sua superfície.

Por mais diferentes que todas nós mulheres sejamos, possuímos um olhar igualmente diferente do mundo comparado ao homem. Somos naturalmente mais intuitivas e sensíveis. Vivenciamos detalhes do dia a dia, experimentamos o social, interagimos com nosso entorno de forma completamente distinta dos homens. Mas esses são somente alguns motivos para que nós tenhamos mais curiosidade e interesse em absorver histórias contadas por mulheres, e ter a experiência de assistir a um filme onde o mundo seja, na sua mais completa fantasia, tão real quanto nossas vidas.”

Dica de filme (ou filmes, Dona Fernanda não se conteve) para o mês da Mulher

O Cemitério Maldito, de Mary Lambert

As Patricinhas de Beverly Hills, de Amy Heckerling

Psicopata Americano”, de Mary Harron

The Babadook”, de Jennifer Kent

Lady Bird – A hora de voar, de Greta Gerwig

Raw, de Julia Ducournau

Que Horas Ela Volta? , de Anna Muylaert

Precisamos Falar Sobre o Kevin , de Lynne Ramsay

Encontros e Desencontros, de Sofia Coppola

Bicho de Sete Cabeças, de Laís Bodanzky

Conheça mais do Moça, Você é Cinéfila?

 


Victória Xavier – Vic View

O que você vai encontrar no Vic View?

Tento reunir o universo maravilhoso da cultura pop, geek e nerd em um só lugar. Filmes, séries, HQs, Marvel, DC, entrevistas com os atores e conteúdos inéditos você encontra no meu canal.

Qual a importância da mulher no cinema?

Victória: “Vivemos um momento em que a presença e voz feminina, seja na frente ou por trás das câmeras, está ganhando força e Capitã Marvel é um exemplo incrível disso: Além de uma protagonista mulher, é a primeira vez que uma mulher também assume a direção de um filme da Marvel. As mulheres estão ganhando voz e na busca por um mundo mais igualitário e equilibrado. Ter uma presença cada vez maior no cinema e em todas as áreas é fundamental para que também sejamos ouvidas e representadas.”

Dica de filme para o mês da Mulher

Sem dúvida: Capitã Marvel

Conheça mais da Vic View

 

 

 

Avaliação do Cinéfilos Anônimos
Avaliação dos Visitantes do site
[Total: 0 Média: 0]

CONTEÚDO RELACIONADOS

Compartilhe

Apenas um homem que faz tudo pela "família", Publicitário, crítico de Cinema e fundador do Cinéfilos Anônimos, bom em fazer propostas irrecusáveis e Lasanhas bolonhesa.