Sozinha? | Curta-Metragem

Compartilhe

Sozinha?, curta-metragem produzido por alunos do curso AIC de Cinema Teens, narra a difícil batalha de uma artista que procura por identificação em meio a um lugar cheio de ignorância dentro das relações sociais.

Ela passa despercebida em meio às pessoas vidradas em seu mundo virtual, uma nova sociedade criada pelos vícios tecnológicos e que se mostram cada vez mais individualistas – atentos ao seu mundo, eles ignoram tudo de bom que podem estar acontecendo aos seus arredores.

O curta dirigido por Raduan Muarrek e Joana Leite e roteirizado por Renan Azevedo, nos mostra um ótimo trabalho com as cores e os figurinos da protagonista, todo esse cuidado tem méritos da direção de arte que é assinada por Cecília Viola e Gabe Gomide – e mesmo em meio a todos os movimentos de cores, ela ainda fica invisível perante ao individualismo da sociedade atual.

Um outro ponto técnico que destaco no curta, é o iminente som/ruído da teclas de um celular, o incômodo que esse barulho traz na gente durante o curta, rapidamente nos leva aos sentimentos da artista que procura diante aquele “incômodo” ser de fato, visível, isso me levou a lembrar de quando fui ao teatro ver uma peça da Laura Cardoso e Nívea Maria, no caso eu estava a trabalho e fiquei na primeira fileira, e vi algumas pessoas que durante apresentação passou mais tempo em seu mundo virtual do que apreciando a peça no palco – senti que alguns artistas naquele palco estava incomodados com as pessoas de cabeça baixa concentrada em seu mundo virtual – ao fim do espetáculo, foi ao camarim para fazer umas fotos (estava a trabalho) do elenco da peça, quando ouvi de boa parte do elenco a tristeza deles por verem como a sociedade atual, preferem ir um teatro e ficar mais tempo em seu mundo virtual do que na própria peça – e o curta-metragem “Sozinha?” de forma simples, mas objetiva, trabalha muito bem essa relação de incômodo que as relações sociais atuais provocam nos artistas que buscam sua visibilidade no dia a dia para mostrarem seus talentos.

Vale uma menção também para a edição e a fotografia, os closes nas pessoas sentadas nos bancos, traz mais momentos de inquietação  e a cada chegada da artista no ponto de ônibus, mesmo que o canário permanecia o mesmo, proporciona bons momentos visuais.

 

Assista ao curta na íntegra no vídeo abaixo:

 

Ficha técnica: 

DIREÇÃO: Raduan Muarrek e Joana Leite

ROTEIRO: Renan Azevedo

ASSISTENTE DE DIREÇÃO: Renan Azevedo e Felipe Fabris

EDIÇÃO: Cecília Viola e Renan Azevedo

DIREÇÃO DE FOTOGRAFIA: Felipe Fabris

DIREÇÃO DE ARTE: Cecília Viola e Gabe Gomide PRODUÇÃO: Renan Azevedo ATORES: Amanda Safira Eduardo Machado

FIGURANTES: Cecília Viola Joana Machado Raduan Muarrek Gabe Gomide Renan Azevedo Gabriel Passos Mari Correa Luísa Antunes Vanessa Yahiro Silvio Junior Duda Bravo

MÚSICAS USADAS:

“Hope?” – Jon Brion (Lady Bird Original Motion Picture Score) “Hope Against Hope” – Jon Brion (Lady Bird Original Motion Picture Score) “Consolation” – Jon Brion (Lady Bird Original Motion Picture Score) “”Mia & Sebastian Theme (Celesta)” – Justin Hurwitz (La La Land Original Motion Picture Score)

 

CONTEÚDO RELACIONADOS

Compartilhe

Publicitário, Designer e Crítico de Cinema. É obcecado por monstros gigantes e, talvez, o ser que mais assistiu Breaking Bad neste planeta. Raulseixista desde a infância, hiberna uma vez por ano nos alpes de Itapira, ouvindo 12 horas interrupta do Maluco Beleza